Anuncie aqui topo
Anuncie aqui topo
Anuncie aqui topo
Educação

Mato Grosso do Sul garante mais de R$ 6,4 milhões para bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado

Acordo firmado entre a Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) e a Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ens...

06/04/2021 08h25Atualizado há 2 semanas
Por: Redação
Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Acordo firmado entre a Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) e a Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia de MS) garantirá mais de R$ 6,4 milhões para o pagamento de bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado para programas de pós-graduação emergentes e em consolidação no Mato Grosso do Sul, com projetos em áreas prioritárias do Estado.

As áreas foram selecionadas pelas universidades, juntamente com a Fundect, durante workshops realizados no ano de 2020; são elas: Bioeconomia e Biotecnologia, Desenvolvimento Sustentável, Inovação e Fronteiras.

Com os recursos, será possível a implementação de 113 bolsas, sendo 55 de mestrado (24 meses de duração), 40 de doutorado (36 meses) e 18 de pós-doutorado (12 meses), já a partir de agosto de 2021.

Os programas de pós-graduação considerados emergentes e em consolidação pela Capes e que também foram mapeados durante os workshops podem ser vistos AQUI.

As universidades serão notificadas em abril sobre o montante e a modalidade de vagas em cada programa, para que abram seus editais internos para o preenchimento das vagas.

De acordo com o diretor-presidente da Fundect, Márcio de Araújo Pereira, o recurso será essencial para fortalecer e consolidar estes programas de pós-graduação, importantes para o desenvolvimento do Mato Grosso do Sul. “Graças ao trabalho incansável dos servidores da Fundect, junto às universidades e institutos de pesquisa de MS, foi possível a aprovação dos 4 projetos e linhas de pesquisa que receberão recursos para pagamento de bolsas. É um grande fôlego que oferecemos para esses cursos emergentes de pós-graduação que, com toda a certeza, farão diferença no cenário científico e tecnológico de nosso Estado”, afirmou Márcio.

O secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), Jaime Verruck, salientou que o acordo firmado é mais uma vitória para o processo de formação intelectual de nosso Estado.

“Uma das estratégias de fortalecimento do cenário de pesquisa e inovação no MS é sem dúvidas o investimento na formação de pessoas, gerando consequentemente mão de obra ainda mais qualificada dentro de Mato Grosso do Sul. Estas pessoas irão produzir, gerar conteúdos, pesquisas, trazer desenvolvimento para toda a sociedade sul-mato-grossense”.

Assessoria de Comunicação da Fundect

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Campo Grande - MS
Atualizado às 19h58
23°
Alguma nebulosidade Máxima: 30° - Mínima: 18°
23°

Sensação

7 km/h

Vento

50%

Umidade

Fonte: Climatempo
arranha-céu
arranha-céu2
Anuncio retângulo médio 1
Municípios
anuncio médio 2
Últimas notícias
Retângulo médio
Mais lidas
Retângulo médio 4
Anuncie aqui