Anuncie aqui topo
Anuncie aqui topo
Anuncie aqui topo
Capital

Postos de saúde vão abrir sábado para vacinar crianças e adolescentes no "Dia D"

Visando atender àqueles responsáveis por crianças que trabalham o dia inteiro e não conseguem levá-las nas unidades durante a semana, as unidades funcionarão das 7h às 17h

17/10/2020 07h05
Por: Redação

Todas as 71 unidades de saúde da capital estarão de portas abertas nesse sábado (17) para a imunização de crianças e adolescentes de até 15 anos de idade. A ação é alusiva ao Dia D da campanha multivacinação de atualização da caderneta. 

Visando atender àqueles responsáveis por crianças que trabalham o dia inteiro e não conseguem levá-las nas unidades durante a semana, as unidades funcionarão das 7h às 17h, conforme o horário de expediente, nesse sábado. 

Além da multivacinação para atualização da carteira vacinal, será feita nas crianças de 12 meses a menores de 5 anos uma dose reforço da vacina da poliomielite. “É de suma importância que, principalmente as crianças nessa faixa etária, compareçam às unidades, para que não tenhamos o retorno de uma doença que está extinta no Brasil desde a década de 1980, semelhante àquilo que aconteceu com o sarampo no ano passado”, explica o secretário municipal de saúde, José Mauro Filho. 

Serão ofertadas todas as vacinas do cronograma infantil e adolescente com o objetivo de que a cobertura dessas, que em alguns casos está abaixo do recomendado pelo Ministério da Saúde, seja ampliada.  

Poderão se vacinar contra a pólio, aquela da gotinha, as crianças com idades entre 12 meses e menores de 5 anos de idade. As últimas campanhas de prevenção à paralisia infantil, doença provocada pela poliomielite, aconteceram em 2015 e 2018. 

Crianças e adolescentes de até 15 anos devem comparecer às unidades de saúde para confirmar se as carteiras de vacinação estão em dia e, caso não esteja, tomar as doses que estão em aberto. Como as duas campanhas são de imunobiológicos que estão presentes no calendário vacinal da criança, não há meta estipulada para o público a ser vacinado. 

Fonte: G1

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários